Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




PORTUGAL E OS PORTUGUESES…

por jotaeme, em 16.12.14

Por estes dias pré natalícios, há as movimentações costumeiras dos preparativos deste final de 2014, mas a vida real também se impõe perante quaisquer tradições que se fazem quase por repetição e sem emoção…

praxes 1.jpg

 

Faz-me impressão a saga das famílias dos estudantes desaparecidos há um ano na Praia do Meco, numa infeliz falha nas celebrações de Praxes Académicas que já deviam ser banidas há muitos anos…refiro-me como é evidente a todas as que têm como intenção rebaixar, humilhar, gozar, e eventualmente colocar em perigo a integridade física dos “caloiros”! Porque todas as outras manifestações que sejam baseadas na alegria e inteligência, deverão permanecer, sem dúvida alguma!

Faz-me impressão toda esta movimentação das famílias, porque querem a todo o custo fazer reverter ao sobrevivente, que por acaso é um dos elementos da comissão das Praxes, todo o ónus das infelizes mortes dos praxados! Contra tudo e contra todos perseguem de modo mórbido a saga vingativa. Para assim poderem atenuar ou limpar as suas responsabilidades parentais, perante a rédea larga que deram aos seus filhos, não supervisionando e acompanhando de perto, toda a  sua atividade académica, que todo o mundo sabe que no seu início, consta destas cenas que antecedem a entrada no Ensino Superior e nas Universidades e passiveis de algumas peripécias…

Dura Praxis Sed Praxis.jpg

 

Só falta pedirem indeminizações financeiras para se sentirem mais recompensados das perdas dos seus infelizes filhos! Será que assim ficarão com as suas consciências aliviadas? Eu não acredito! Ficarão para sempre com esse peso nas suas mentes e vidas!

Por todas estas razões que eu digo, seria bom que houvesse um pouco mais de recato e inteligência no modo de se fazer o luto dos seus jovens filhos (as). E aproveitarem estas infelicidades, para que de um modo mais construtivo, impedirem para os próximos jovens que ano após ano, têm de enfrentar estas situações de praxe, estas se façam de modo mais construtivo e seguro, e jamais aconteçam, estas trágicas ocorrências!

Para mim é a melhor homenagem que podem fazer aos seus filhos e filhas que pagaram um pesado tributo aos seus sonhos e projetos de vida!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:22



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2004
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D