Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



A VERGONHA (MINHA) DO JORNALISMO BRANQUEADOR!
A crónica de hoje no jornal A Bola do colunista Fernando Seara, deixou-me cá com uma azia que nem vos conto! Fala ele o colunista (não confundir com comunista!), daquele gesto “a quente” de Nuno Gomes a dizer que alguém perto dele se “picava” ou metia para a “veia”, e presumo que não seria para algum colega de equipa (neste caso do Benfica). Esta atitude de Nuno Gomes, mesmo a quente é indesculpável, pela imagem que passa aos espectadores e em especial a quem ela é endossada (um atleta do Braga, presumo).
No mínimo dos mínimos, Nuno Gomes, teria de explicar publicamente e pedir desculpa por aquela “sinalética” e tudo se teria amenizado! Tal e qual outro seu colega (Petit) num jogo com o Rio Ave da época passada.
A minha azia provém da maneira descarada com que Fernando Seara, inverte os papéis a pretexto de uma presumível queixa patrocinada pelo F.C. do Porto, à Liga!
E tendo-o como uma pessoa sensata, fiquei muito desiludido com a sua cobertura e paternalismo para com este gesto inadequado de Nuno Gomes.
E já agora deixe lá de oferecer as queijadas de Sintra por tudo e por nada, senão ainda o convido a comer (eu disse comer com talher), uma “Francesinha”
Para terminar digo mais uma vez: respeito por uma assunto muito candente nos nossos dias por esse mundo fora. A toxicodependência é um assunto muito sério para ser macaqueado por tudo e por nada e os ditos atletas de alta competição têm um papel muito importante para todos em especial para os mais jovens de idade, que vêem neles figuras modelo, logo assim copiáveis…
Para bom entendedor…
PS: Já agora concordo consigo: O Rui Veloso apareceu com um novo CD que faz retemperar a alma mais inquieta. Como vê nem tudo é mau, cá para Norte deste Portugal sonolento!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:30


2 comentários

De Anónimo a 28.11.2005 às 15:54

Jorge o teu comentário sobre a escola no mer crepúsculo, não faz sentido porque eu refiro-me a escolas publicas.adryka
(http://suspirar.blogspot.com)
(mailto:adry1111349@gmail.com)

De Anónimo a 28.11.2005 às 10:02

Olá Jorge, tu com a dor dos futubelistas, homem eles ganham mundos e fundos que se defendam nós cabe-nos apreciar .No norte para mim tudo é bom. Beijinhos amigoadryka
(http://suspirar.blogspot.com)
(mailto:adry1111349@gmail.com)

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2004
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D