Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




O ENSINO EM PORTUGAL...

por jotaeme, em 05.06.06
O ENSINO EM PORTUGAL, OS PROFESSORES, OS ALUNOS, AS ESCOLAS E O MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO…
Pelo nível educacional de um País se vê o seu comportamento e desempenho nos dias de ontem, hoje e principalmente do amanhã! Na falta destes predicados para que se atinjam níveis satisfatórios, o resultado será sempre catastrófico para esse (s) País (es) e para as suas gentes
Na minha modesta opinião não há culpados absolutos, mas sim todo um somatório de pequenos erros e mal funções que no sistema educativo português tem feito carreira e está a custar a rectificar com os colossais prejuízos para nós todos portugueses e em especial para os nossos jovens que após terem percorrido esta autêntica via-sacra, se vêem num beco sem saída (s) para o mercado de trabalho e com um canudo na mão, apenas para emoldurar e colocar em casa como objecto de adorno…
Vamos por partes:
A ESCOLA: As instalações na sua grande maioria não servem com os níveis de equipamento e de condições de conforto para que nelas todos os intervenientes se sintam motivados e concentrados…
O MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO não está a conseguir prover a todos os agentes envolvidos nesta tão nobre e importante missão, a organização e concórdia que são necessárias para que os resultados apareçam e se vão melhorando dia a adia todos os trabalhos e matérias de ensino, que como se sabe nestes dias de hoje não se compadecem com lentidão e laxismo…
OS PROFESSORES: Embora se saiba que uma parte desta classe está nesta actividade apenas como meio de subsistência, ou simples emprego, a grande maioria tem feito um trabalho assinalável dentro das mencionadas condições em que laboram e barreiras já tão badaladas com que se debatem e que tornam penosa (em algumas situações) a sua actividade profissional e educacional…
OS ALUNOS: Tenho para mim uma certeza: são a parte mais importante neste processo! Por eles, temos todos que lutar para que saiam autênticos cidadãos, bem preparados social e intelectualmente! Há problemas de indisciplina de desinteresse pela aprendizagem, comportamentos violentos e perversos? Pois que haja, porque os há! Mas então eles não são robots, são pessoas e é para ajustar, modelar e formar que os restantes agentes lá estão para controlar e ensinar e rectificar estas falhas! Portanto ninguém nesta equipa se pode demitir das suas responsabilidades! Não se pode desistir!
E JÁ AGORA UM APONTAMENTO BREVE PARA OS PAIS E ENCARREGADOS DE EDUCAÇÃO DOS ALUNOS: Como se têm comportado no apoio aos seus educandos e à escola? Que níveis de participação têm desenvolvido para todo este processo escolar, sem ser o de criticar tudo e todos e nada fazer, nem que seja a sua presença na escola quando são convocados?
Aqui há uma grande margem de melhoria e estou convicto de que não nos resta outra alternativa que não seja uma efectiva responsabilização dos encarregados de educação por grande parte do modo de estar na escola por parte dos seus educandos
COMO NOTA FINAL, NÃO PODIA DEIXAR DE FALAR NA REPORTAGEM EMITIDA PELA RTP HÁ DIAS, COM IMAGENS EM “DIRECTO” DO COMPORTAMENTO DE ALUNOS NUMA DETERMINADA ESCOLA!
TENHO PARA MIM QUE A CITADA REPORTAGEM APENAS TEVE UM MÉRITO: TRAZER Á DISCUSSÃO PÚBLICA OS TAIS “PROBLEMAS” QUE SE VÃO PASSANDO NAS SALAS DE AULA E QUE NÃO DEVERIAM DE FORMA ALGUMA ACONTECER… MAS SÓ ISSO, PORQUE QUANTO Á METEDOLOGIA COM QUE AMESMA FOI EFECTUADA, ESTAMOS FALADOS…
E JÁ AGORA PARA QUE NÃO RESTEM DÚVIDAS SOBRE AS MINHAS OPINIÕES SOBRE ESTA TEMÁTICA, DIGO APENAS QUE NÃO SOU PROFESSOR, NEM MINISTRO, NEM ALUNO…
APENAS SOU UM PAI INTERESSADO E MUITO PREOCUPADO COM A EDUCAÇÃO E ENSINO ESCOLAR EM PORTUGAL…SEM MAIS!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:53



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2004
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D