Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




ESTE MUNDO CONTRADITÓRIO...

por jotaeme, em 11.09.04
ESTE MUNDO CONTRADITÓRIO…
Eu fico sempre atónito com alguns eventos que ocorrem neste nosso mundo cada vez mais perto de cada um de nós, as altas tecnologias de informação não nos deixam isolados e propiciam com um realismo atroz, as coisas más, eu diria muito más, a que não podemos ficar indiferentes,
Vejamos o caso do sequestro terrorista na província russa da Osséssia, na localidade de Bledam, que a coberto de objectivos (!) aparentemente “nobres” (independência etc. …) permitem-se a actos de terror a umas centenas de pessoas, grande parte delas, crianças de uma escola secundária, com requintes de um grau de malvadez, indescritíveis e causadores do final trágico a que levou todo o acumular de tensões e ao trágico desfecho de que já se vai divisando a (s) cena (s) seguintes.
Diria eu que em Portugal nunca se passaria uma tragédia assim, mas quem garante que estes exemplos não despertem em nós paixões e reacções imprevisíveis em situações similares. O meu voto e sentimento de solidariedade para com aquela gente, vítima desta barbárie, e as crianças meu Deus…
Agora como contraste, outro assunto merece o meu comentário, não digo indignado mas de incredulidade sobre a maneira “habilidosa” que a dita organização para a defesa dos direitos das mulheres, quer publicitar e “legalizar” uma situação que no momento é pura e simplesmente fora da lei! Brincam com a habitual complacência das autoridades do nosso País para passearem livremente pela mente das pessoas e passarem a ideia de que os maus são nós, ou pelo menos de que nos deveremos subjugar aos seus conceitos sem discussão, só porque lá nos seus países é diferente!
Ora bem, eu apoio inteiramente a acção do nosso ministro da Defesa e Assuntos do Mar, pelo bloqueio que impôs ao dito barco para atracar no porto da Figueira da Foz.
A lei é para cumprir e neste momento e é assim que deve ser feito. Não excluo no futuro a discussão desta temática e se democraticamente a lei mudar, só temos que respeitar. Por agora o meu mais vivo aplauso ás nossas autoridades!
Para finalizar e aligeirar as nossas mentes, não posso deixar mais uma vez em claro a não convocação do atleta do Futebol Clube do Porto VICTOR BAÍA, para estes compromissos da nossa selecção Nacional. Ó snr. Scolari, conte-nos lá a (s) razão (s) e os motivos reais desta sua atitude. Só lhe ficava bem e acabava de vez com o famigerado “tabu”O povo Português agradece e os portistas em particular…

PS: Já depois deste meu artigo pronto a ser editado, o epílogo do dito “barco do aborto”, acabou como eu pessoalmente desejava, ou seja, saída de cena de mansinho… para a terra deles. Lá a lei permite, aqui em Portugal, país soberano ainda não.
Não excluo o futuro debate deste tema importante, mas no lugar próprio na nossa Assembleia ou por referendo ao nosso digno Povo, vale?

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:30


2 comentários

De Anónimo a 01.10.2004 às 09:31

God!!!, como me assusto com pessoas que estão, de alguma forma, de acordo com o sinistro Paulo Portas. E como me assusto com quem se reconhece o papel de um qualquer deus, julgando e decidindo pelos outros. Nat
(http://www.oexpressodospneus.blogspot.com)
(mailto:blog@expressopneus.sytes.net)

De Anónimo a 23.09.2004 às 16:17

Caro Portista... Vim agradecer e retribuir a visita no meu blog!!Força Porto... esta maré de azar vai paxar sArA_DrAgÃo
(http://www.nacaoportista.blogs.sapo.pt)
(mailto:sara_cardoso87@hotmail.com)

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2004
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D