Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




REFLEXÕES...

por jotaeme, em 20.01.05
Diapositivo22221.JPG
REFLEXÕES…
Todos nós somos dados a reflectir sobre tudo o que nos rodeia, mal seria se fosse o contrário e se umas vezes nos damos a pensar na intelectualidade, preocupados com temas do nosso País ou do mundo na sua globalidade, outras vezes restringimos a nossa área aos nossos vizinhos ou amigos que nos são próximos, que por isso mesmo nos merecem a máxima atenção!
Mas eu no meu “post” de hoje, queria falar num âmbito mais alargado, fruto de uma vivência mais virada para os outros do que para Nós próprios… Tenho trabalho, Amigos, e uma situação familiar equilibrada (embora com muita luta), e considero-me senão um felizardo, e, pelo menos, tenho liberdade mental para poder usar todas as armas que uma pessoa pode usar para o combate diário num plano de igualdade e fazer frente ás adversidades (e como eu gosto dessas lutas!) que se nos deparam e assim olhar para os outros com mais disponibilidade. O ponto que quero trazer desta vez aqui à estampa é o do Desemprego, verdadeira chaga de um País que não sabe ou não pode lidar com ele! Penso que devemos todos reflectir sobre este Tema, e induzir os nossos políticos a medidas mais verdadeiras para ajudarem os Portugueses, em especial os que querem trabalhar. Para os malandros, temos que os premiar “devidamente”. Pessoas sem trabalho não podem ter dignidade nem poder de controlar as suas próprias Vidas e dos que estão sob a sua responsabilidade! Uma indignidade! Em especial nas empresas que procuram nas deslocalizações, apenas o lucro fácil e mandam ás malvas os direitos e anseios de quem lhes deu muito dinheiro a ganhar, em tempos mais favoráveis!
Agora nas próximas eleições, têm companheiros, de avivar bem a memória daqueles que muito prometem e nada cumprem. Para isso temos o nosso voto, não o desperdicemos!
Se somos solidários com os de outros países (e muito bem), porque não termos mais atenção com os nossos conterrâneos? Por isso façamos bom uso das nossas armas na selecção dos próximos responsáveis pelo nosso País e nosso PORTUGAL, não podemos esmorecer, custe o que custar! Gostaria de falar de coisas mais alegres e ligeiras, mas que diabo, não podemos dar o flanco, pelo menos em favor das novas gerações. Devemos-lhes isso…

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:16


3 comentários

De Anónimo a 23.01.2005 às 00:26

Gostei de ler esta tua reflexão.
Abraço.Art Of Love
(http://bizaazul.blogspot.com)
(mailto:bizaazul@iol.pt)

De Anónimo a 22.01.2005 às 17:34

Esta semana q tirei de férias foi mesmo pra reflectir na vida... N sei se ajudou, se resolveu, mas positivo foi de certeza! Acabaram-se as férias e agora só me retsa refçectir na semana de trabalho q me espera! ;) Beijinhos Ah! As renas eram demasiado grandes pra caber na mala! ;Pmissantipatia
(http://www.missantipatia.blogs.sapo.pt)
(mailto:missantipatia@sapo.pt)

De Anónimo a 21.01.2005 às 07:42

OOOOOOOOra nem mais! Belíssimo tema! Quanto à reflexão...infelizmente, penso nisso todos os dias! Tenho um filhote de 4 anitos, tenho 23, um bacharelato...querio trabalhar para poder acabar os estudos, e para poder sustentar o meu filho e eh fustrante o sentimento de impotência perante este raio de posição! O país não avança, os políticos não o fazem andar (embora digam eles o contrário), e depois eles que me esclareçam...como querem que o povo ande? Com certeza, por este andar, vamos eh todos andar nas ruas, quem sabe a pedir, ou talvez a roubar! Enfim...! Mais uma vez...um belíssimo tema! Um beijinho grande! =)Catarina
(http://ChamaOculta.blogs.sapo.pt)
(mailto:chamas_ocultas@sapo.pth)

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2004
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D