Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




RELEMBRAR ANGOLA 1972/1974

por jotaeme, em 14.04.09

 

 

Em plena zona dos Dembos, com montanhas á volta, o que tinha sido uma antiga Fazenda!
Estive aqui com os meus companheiros de Junho 1972 a Julho de 1973.
RELEMBRANDO ANGOLA 1972/1974- LUGARES POR ONDE PASSEI…!
ZEMBA- QUARTEL DO BATALHÃO 3880 e C.CAÇ 3535.

 

 

 

 

 

 

 

STª EULÁLIA, COM O SEU CENTRO OPERACIONAL A NÍVEL DE BRIGADEIRO E PISTA DE ATERRAGEM PARA OS “NORTH ATLAS”.
Sempre que me deslocava a Quibaxe era passagem obrigatória!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:41

 

Tem havido mar piratas ao longo da história— das pilhagens dos Vikings até aos navegadores no século XVII. Nos últimos anos, um novo tipo de pirataria no Corno de África demonstra que a pirataria ainda pode ser altamente rentável, bem como perigosa.
Na Somália, um país de extrema pobreza e com o caos interno instalado, a economia de pirataria é próspera. A pirataria é uma extensão de renúncia corrupta, violenta que tem ampla acção em terra, uma vez que o Governo central implodiu em 1991. Ele transformou as suas águas nas rotas marítimas mais perigosas do mundo.
Os piratas actuam em milhares de milhas quadradas de água, desde o Golfo de Aden, a porta estreita para o Mar Vermelho, para a fronteira Quénia ao longo do Oceano Índico. Outro centro de pirataria, no Sudeste Asiático assistiu a uma diminuição de ataques nos últimos anos.
A pirataria na Somália é uma espécie de resposta ao saque que navios pesqueiros de várias nações ditas civilizadas, que de uma forma quase irracional fizeram, dos recursos pesqueiros acicatando os ânimos dos pescadores locais apertados e oprimidos pela corrupção do seu País e tendo assim iniciado uma resposta à pesca ilegal á cerca de 10 a 15 anos. Rico em atum as águas do país foram pilhadas por essas frotas de pesca comercial logo após o seu Governo ter caído em 1991. Transformados em vigilantes armados, confrontam barcos de pesca e exigem pagamentos de um “imposto”. Em 2008, mais de 120 de ataques de piratas ocorreram no Golfo de Aden, muito mais do que em qualquer outro ano na memória recente. Peritos dizem que os piratas Somali terão obtido com esta “actividade” mais de US $ 100 milhões, uma soma astronómica para um país doente de guerra cuja economia está paralisada!
CLARO QUE TODO ESTE PROCEDIMENTO NÃO PODE SER JUSTIFICADO E ACEITE! AS NAÇÕES ESTÃO AGORA A COMEÇAR A ACORDAR PARA ESTE PROBLEMA E DEVEM FAZÊ-LO TAL COMO AINDA ONTEM AS FORÇAS MILITARES AMERICANAS ASSIM O EXECUTARAM PARA LIBERTAR UM SEU NAVIO VÍTIMA DESTE TIPO DE ACÇÕES!
EM PARALELO SERIA BOM QUESTIONAR O PSEUDO GOVERNO DA SOMÁLIA PARA QUE ASSUMAM AS SUAS RESPONSABILIDADES, TRATANDO EM TERRA O QUE NÃO PODEM FAZER NO MAR!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:32


OS DONOS DO MUNDO...

por jotaeme, em 01.04.09

DESTA DUPLA DEPENDEM MUITO DOS NOSSOS SONHOS E PROJECTOS DE VIDA! QUER QUEIRAMOS, OU NÃO!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:14

 

 

(...)"LONDON - Stepping onto the world stage for the first time in his two-month presidency, Barack Obama sought Wednesday to rally the world's top and emerging powers to help cope with a global economic downturn, saying, "We can only meet this challenge together."
The president also disputed criticism that the United States was feuding with other nations about the need to pump more money into economic stimulus policies, saying any differences are "vastly overstated."
"I am absolutely confident that this meeting will reflect enormous consensus about the need to work in concert to deal with these problems," Obama said before the G-20 economic crisis summit."(...)
 
"LONDRES - Viajando a nivel internacional pela primeira vez na sua presidência de dois meses, Barack Obama procurou quarta-feira reagrupar o “Mundo” tomando parte na cimeira ajudar os poderes emergentes a lidar com uma diminuição econômica global, relembrando a frase:" Só juntos, nós podemos enfrentar este desafio!" O presidente igualmente destacou a sua desaprovação que os Estados Unidos conjuntamente com outras nações sobre a necessidade de injectar mais dinheiro em políticas econômicas de estímulo, e dizer que todas as diferenças são " muito exageradas." Eu estou absolutamente confiante que esta reunião refletirá o consenso enorme sobre a necessidade de trabalhar concertadamente para tratar estes problemas, " disse Obama antes da cimeira da crise económica G-20.
EU COMO SIMPLES CIDADÃO DO MUNDO, DESEJO E ESPERO QUE OS LIDERES MUNDIAIS CONSIGAM "CONSERTAR" O QUE ESTRAGARAM COM A SUA POLÍTICA ECONOMICISTA E LIBERAL! E PUNINDO OS CULPADOS, QUER TENHAM OLHOS AZUIS, PRETOS OU CASTANHOS...
 
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:00


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2004
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D