Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Eles andam aí, sim os dinossauros, mas da nossa (triste) política autárquica. Elaborada uma Lei que tinha como objetivo a limitação a três mandatos consecutivos e depois teriam de se fazer á vida nas suas profissões seculares, (além de “boys” dos Partidos da nossa ilustre Democracia), eles os dinossauros, (raça potencialmente perigosa), foram descobrir no “espírito” da Lei, que afinal de contas podiam transferir-se, tal e qual as nossa vedetas do futebol, para outro clube, perdão, para outras autarquias, mesmo que fosse ali mesmo ao lado da qual saem…

Leiam um extrato da Lei;

 (…) Em concreto, está em cima da mesa a questão de saber se (i.) a limitação aí preceituada se aplica à função em si (independentemente de qualquer consideração de índole territorial) ou (ii.) se, ao invés, essa mesma limitação se aplica unicamente a uma determinada área geográfica, onde o autarca visado exerceu funções., (…)

Estão a ver?

Os dinossauros acabaram por descobrir essa possibilidade milagrosa de se perpetuarem no poder autárquico, até ficarem senis. Ou por má sorte, (deles) morrerem de qualquer mal ruim!

Não reconhecem a sensatez de se retirarem e dar a oportunidade a outros de mostrarem as suas capacidades, como se eles fossem insubstituíveis! Como diz o sábio Povo, “De insubstituíveis estão os cemitérios cheios!”

Não conseguem vislumbrar a vergonha que é nomear elementos que estão na cadeia por roubarem o Estado e inscrevê-los nas suas listas para novos mandatos! Esta classe de políticos estão a desbaratar todo o crédito que granjearam nestes quarenta anos de Democracia de Abril

Não dão espaço às novas gerações, quase que a dizerem que estes não são inteligentes nem sabem gerir o que quer que seja!

Metem-me pena estas personalidades que teimosamente, tal e qual meninos mimados, se recusam a ser sensatos, a verem o óbvio e substanciarem com a Ética a sua passagem pela política!

Tenham juízo senhores…dinossauros!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:46


1 comentário

De jotaeme a 13.08.2013 às 17:02

Já depois de ter escrito este texto, ouvi na Comunicação Social que a candidadtura do ex-Autarca de Oeiras, que se encontra em "férias" num centro Prisional, é considerada inválida, precisamente por este motivo! Ainda vão aparecendo estes lampejos de sabedoria e aplicação da Lei e Cidadania!

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2004
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D